foto: Jorge Coelho Ferreira

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA
Click na imagem!

10 de outubro de 2009

IRONIAS



Ontem foi dia de aniversário do blogue e como não queria misturar datas hoje faço outra postagem para assinalar a morte de Che Guevara, que ocorreu há 42 anos. 


Ernesto Guevara de la Serna, mais conhecido por Che Guevara ou El Che (Rosário, 14 de junho de 1928 — La Higuera, 9 de outubro de 1967).



1-

A verdadeira morte
de Che Guevara
É
(tão pouca sorte)
ser hoje vendido
estampado em lucrativas
T-shirts capitalistas.



2-
A revolução
não é
a força do ideal.
É, em si mesma,
a morte do Ideal.




(D’aprés um poema de Maria Alexandre Dáskalos, A revolução/é)


Namibiano Ferreira

2 comentários:

cirandeira disse...

Tens toda razão, Namibiano, essa foi a verdadeira morte de Che Guevara. Essa é uma das formas mais violentas utilizadas pelo capitalismo:transformar grandes líderes em "heróis", até se tornarem um "mito" para depois pulverizá-los e ainda ganhar mais dinheiro às custas dele.
"Tudo que é sólido se transforma no ar"...
Obrigada pela visita. Volte sempre, pois me dará muito prazer
Um abraço
P.S.: Vou incluí-lo entre os blogs que acompanho mais de perto.

NAMIBIANO FERREIRA disse...

O capitalismo venderá a alma da própria mae se isso lhe trouxer LUCRO!

Obrigado pela visita.