foto: Jorge Coelho Ferreira

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA
Click na imagem!

10 de fevereiro de 2010

A ARTE ANGOLANA TCHOKWÉ

A Arte Kocokwe (singular, e deve ler-se Kotchokué, o plural é Tucokwe, Tutchokué, embora eu sempre diga e escreva Tchokwé) é de uma beleza e expressividade que sempre me deslumbram. Há em Angola as artes de outros povos, como os Bakongo, Ovimbundu, Ambundu, Nganguela... mas, de facto, os grandes escultores são os Tucokwe. Este povo que teve um grande império, o Império Lunda com a sua mítica rainha Lueji, reparte-se, actualmente, por três países (Angola, R. D. do Congo e Zâmbia), fruto do colonialismo europeu quando repartiu África, como se fosse um bolo, por entre as várias potências coloniais da época (Conferência de Berlim – 1885).
Não vos trago mais palavras, eis aqui alguns exemplares da bela arte Tucokwe, mas antes de sair de cena, relembro o romance do escritor angolano Pepetela, Lueji – O Nascimento de um Império.





Pintura mural Tchokwe

 
Máscara Tchokwe
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Tchibinda-Ilunga & Cadeira Tchokwe
 
 
Máscara Tchokwe (Kalelwa)
 
 
 
Estatuetas Tchokwe
 
 
Bailarino Mwana Pwó
 
 
  Máscara Mwana Pwó 
 
 
O Pensador


O Pensador, hoje uma estatueta de representação e unidade nacional do povo e da cultura angolana é, de facto, inspirada na figurinha (Kalamba Ka Etho)  dos cestos de adivinhação (ngombo) dos Lunda-Tchokwe. Brevemente publicarei uma postagem sobre os Pensadores.
 
Namibiano Ferreira

5 comentários:

romerioromulo disse...

namibiano:
a genialidade está na áfrica.
um abraço.
romério

Moacy Cirne disse...

Africarte, africanidade:
beleza pura.
E Luanda, homenageada,
encontra-se no BALAIO.

KANDANDU.

NAMIBIANO FERREIRA disse...

Romério e Moacy um grande kandandu.

ogfs2008 disse...

Povo Tchokwe e a sua Arte ímpar! A minha alma paralisou de espanto, quando comecei a estudar este povo e a sua cultura! Que sabedoria! Tenho uma réplica do famoso "O Pensador", e sei que é um ícone da cultura angolana, mas fico ansiosamente a aguardar a história desta estatueta, que penso ser de autor desconhecido...
Kandandu

Janaina Amado disse...

Espetacular, Namibiano. Fiquei sem fôlego com tanta beleza e mistério. As máscaras, então... Também ficarei aguardando o post sobre o Pensador.