foto: Jorge Coelho Ferreira

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA
Click na imagem!

9 de fevereiro de 2010

LUANDA...

Canção para Luanda


A pergunta no ar
no mar
na boca de todos nós:
- Luanda onde está?

Silêncio nas ruas
Silêncio nas bocas
Silêncio nos olhos

- Xé
mana Rosa peixeira
responde?

-Mano
Não pode responder
tem de vender
correr a cidade
se quer comer!

"Olá almoço, olá almoçoeee
matona calapau
ji ferrera ji ferrereee"

- E você
mana Maria quintandeira
vendendo maboques
os seios-maboque
gritando, saltando
os pés percorrendo
caminhos vermelhos
de todos os dias?
"maboque, m'boquinha boa
doce docinha"

- Mano
não pode responder
o tempo é pequeno
para vender!

Zefa mulata
o corpo vendido
baton nos lábios
os brincos de lata
sorri
abrindo o seu corpo
- seu corpo cubata!
Seu corpo vendido
viajado
de noite e de dia.
- Luanda onde está?

Mana Zefa mulata
o corpo cubata
os brincos de lata
vai-se deitar
com quem lhe pagar
- precisa comer!

- Mano dos jornais
Luanda onde está?
As casa antigas
o barro vermelho
as nossas cantigas
tractor derrubou?

Meninos das ruas
cacambulas
quigosas
brincadeiras minhas e tuas
asfalto matou?

- Manos
Rosa peixeira
quitandeira Maria
você também
Zefa mulata
dos brincos de lata
- Luanda onde está?

Sorrindo
as quindas no chão
laranjas e peixe
maboque docinho
a esperança nos olhos
a certeza nas mãos
mana Rosa peixeira
quitandeira Maria
Zefa mulata
- os panos pintados
garridos, caidos
mostraram o coração:
- Luanda está aqui!



Luandino Vieira  


**


SABOR DE LUANDA



Bebo kissângua...
E cheira-me a frutas maduras:
mangas goiabas
abacaxis pitangas
perfumes escondidos
enchendo quindas de quitandeiras
apregoando.


Bebo kissângua...


............................ e cheira-me a Luanda!


Namibiano Ferreira
Kissângua - bebida tradicional feita de cereais ou fruta (ananás, por exemplo).




Breve História da Cidade De Luanda

Foi em 1575 que Paulo Dias de Novais, capitão-mor das conquistas do Reino de Portugal, desembarcou na ilha do Cabo onde, para além de alguns compatriotas seus, encontrou uma população nativa bastante numerosa, tendo aí consigo cerca de 700 pessoas, 350 dos quais homens de armas, padres, mercadores e servidores.
Um ano depois, reconhecendo não ser “o lugar acomodado ideal para a capital da conquista”, avança para terra firme e funda a vila de São Paulo de Luanda, tendo logo de seguida lançado a pedra para a edificação da igreja dedicada a São Sebastião, a 25 de Janeiro de 1576, no lugar onde hoje é o Museu Central das Forças Armadas (morro de São Miguel).
A origem do nome Luanda provem de Axiluandas singular Muxiluandas que significa “homem da ilha/mar” nativos da ilha do Cabo, também conhecida por ilha de Luanda.

 Para saber mais visite:  http://www.cidadeluanda.com/Pages/Luanda_historia.asp






9 comentários:

viajantes disse...

Namibiano,
Fiquei com a lagrimita no olho e aquele aperto da saudade. (con)vivi e aprendi esta luanda também com os negoleiros nos setenta ainda eu garota.
obrigada.
abraço

Janaina Amado disse...

Luanda parece muito linda, um dia ainda irei lá.
Tenho sentido sua falta no enredosetramas.

viajantes disse...

namibiano,
obrigada outra vez por me visitares.
podes-me encontrar também pelo outro caminho da viagem. fica (vê) no meu perfil os pedaços de memória.
abraço!
ah! é verdade, ia roubar a minha cidade é linda para colar um post na viagem depois de te ter lido, só que (ainda) não consegui.

Moacy Cirne disse...

Sim, é verdade,
Luanda parece ser
(e deve ser, acredito)
uma cidade linda.

Kandandu/Abraço.

ogfs2008 disse...

Caro Namibiano Ferreira,
"Minha cidade é linda" dos Negoleiros do Ritmo! Como me soube bem ouvir esta música depois de tantos anos. Lembro-me como na altura ia a tantas "farras" onde tocavam ao vivo "Os Jovens do Prenda", os "África Show", os "Kiezos", os "N'Goma Ritmos" e outros que agora não lembro...
Obrigada.
Kandandu.(sei que é uma saudação) mas p.f. traduza-ma para português. Desculpe a ignorância.
Otelinda

soninha. disse...

E eu...mergulho na paisagem,caminho pelas calçadas sentindo o cheiro desta pérola que faz parte da coroa do rei!Bela Luanda dos meus sonhos.bjs e paz!

NAMIBIANO FERREIRA disse...

Ainda bem que os Ngoleiros do Ritmo despertaram boas recordacoes, também eu cantarolei esta cantiga ainda era um moleque...
Luanda, apesar dos problemas que a afligem, do alastramento dos musseques (favelas) pura demonstracao do aumento díspar entre ricos e pobres, é, de facto, uma bela cidade e com grandes potencialidades futuras, mas que haja mais justica social, menos corrupcao e obras megalómanas.

Kandandu (abraco) a todos.

kinaxixi disse...

Só bebi kissângua de múcua.

Abraço

NAMIBIANO FERREIRA disse...

Kinaxixi, um grande kandandu