foto: Jorge Coelho Ferreira

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA
Click na imagem!

14 de fevereiro de 2009

SER





Flor do Imbondeiro


Pois tu amor bem sabes,

ignorando teu aviso, teu oráculo

tentei os versos de liras e guitarras

mas quão baixo fui e sem ardor!


É junto aos ventos do kissanje

que sei poemas e caminho meus passos

sobre ondas ao luar e às estrelas de mil mares.

É junto à fogueira do fúnji e das estórias

que faço poemas ansiando mais ao longe

os perfumes telúricos da Poesia

oculta algures na copa mística

dos imbendeiros em flor.



Namibiano Ferreira

3 comentários:

james emanuel disse...

É sempre um grande prazer estar por aqui.

Um abraço.

Meg disse...

Caro Namibiano,

Depois de 2 meses privada de net, por ter mudado de residência, aqui estou de regresso, finalmente, e venho, numa primeira visita, deixar um abraço e a promessa de voltar para ler e comentar, como é devido.

Um abraço

Meg

xistosa - (josé torres) disse...

Roubei-lhe a flor do embondeiro antes que a mosca a leve.
Um abração de amizade.