foto: Jorge Coelho Ferreira

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA
Click na imagem!

10 de março de 2009

DISPERSÃO




As sólidas âncoras recolhidas

e zarpar...

largar

à liberdade as asas doridas

estendidas hialinas

sobre as rotas de turquesas

deixando a vida escorrer

pelos sulcos do Azul inteiro

vaguear...

navegar

ao sabor infinito do mar,

e amar

ao sul de todas as latitudes

vestindo no corpo o som de cacimbos

prateados, distintos e distantes

sobre as anharas

xaxualhando semba e maresia...


Namibiano Ferreira


3 comentários:

Meg disse...

Amigo Namibiano,

Maravilha!
Palavras gulosas como os nossos frutos, palavras que saboreio com saudade. Tanto mar...para navegar e SONHAR!

Um abraço

xistosa - (josé torres) disse...

Ando com problemas na velocidade da net, ADSL.
Desespero para entrar nos blogs e perco imenso tempo e pior ... perco a paciência.
Hoje vim espreitar.
Vou fazer-lhe um roubo.
Mas aviso o que roubar.

Vai "SER" e "BAILADO", penso que se complementam ...
O embondeiro e a flor

Um abração e até já!!!

NAMIBIANO FERREIRA disse...

Obrigado amigos pela vossa presenca e por terem gostado.
Meg, as tuas palavras sao mesmo de quem tem fome de saudades....

Caro Xistosa, seja sempre bem vindo, voce nao rouba, toma emprestadado. Agradeco a sua amizade e por ser um dos meus fas.
Abracos aos dois!!