foto: Jorge Coelho Ferreira

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA
Click na imagem!

19 de agosto de 2009

RES NATA




Procuro os pequenos momentos
perdidos nos dias vazios de nada...
e vou pendurando missangas coloridas
nos cabelos invisíveis do tempo.


São pequenos momentos
pequeninos pólens, sílabas de nada
como sandálias de brisa sujas de pó
acariciando os pés descalços de um Deus
aprisionado na poeira sideral dos caminhos
quase pagão e de fraco panteão.


Namibiano Ferreira

2 comentários:

Ema Pires disse...

Caro amigo,
Gostava de colocar no meu blogue sobre África alguns dos seus poemas. Para começar vou pôr um link para o seu blogue.
Parabéns pelos poemas.
Um abraço

NAMIBIANO FERREIRA disse...

Cara Ema,
Seja bem vinda ao meu blog e poesia. Obrigado pelo link vou retribuir. Pode publicar no seu Baobab a minha poesia, com os referidos créditos, claro.
Kandandu