foto: Jorge Coelho Ferreira

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA

POEMAS DE NAMIBIANO FERREIRA
Click na imagem!

28 de julho de 2012

AROMA


Para Dinah




Os bagos da romã

 – rubis escarlates, hialinos –

São moléculas de suco e açúcar;

São beijos dos teus lábios

Pétalas de amora

Pomar de ternura

E aroma de romã.

Namibiano Ferreira

19 de julho de 2012

PARABÉNS SR. MANDELA





Amandla!

NGAWETHU!!


HAPPY BIRTHDAY MR. MANDELA




Manda a Liberdade

que eu te cante

HOMEM entre os homens,

imortal!

Hoje, nos céus, riscaram os Deuses,

a Constelação da igualdade, paz,

perdão e liberdade:

Constelação Mandela

Constelação nova

do mundo que tu sonhas

bailando luz de savana

na brisa do teu riso…



Mandela, manda a Liberdade

que eu te cante…

mas perdoa a brandura do meu brado!



Mandela, na tua alma

ondula a savana loura;

na tua coragem

o rugido do leão;

nos teus olhos

a docilidade da gazela;

no teu sorriso

o sol da Igualdade.



Salvé, filho ungido da Liberdade!

Salvé, HOMEM entre homens,

imortal!

És o verdadeiro Prometeu africano!

Parabéns Mr. Mandela!

Hoje, nos céus, riscaram os Deuses

a Constelação nova

a Constelação Mandela

a única que viaja no céu dos Hemisférios…




King’s Lynn, 18/07/2008



Namibiano Ferreira

4 de julho de 2012

CONTRASTE






No burburinho ferroso
dos metais a tinir cinzas
lamúrias

guerras

ignorâncias

quotidianas

perdi os livros do Hesse
e isso foi um grito calado
e tão profundamente antagónico
como triste e cruel...

Namibiano Ferreira